(insira seu poema sobre solidão aqui)



sinto sua falta
da loucura que é deixar de ser eu mesma
do desnorteio
do corte profundo
da morte no seu corpo
a morte no seu corpo
eu senti quando o toquei
quando o amei
quando seus olhos, à noite, me diziam que não havia esperança
eu senti a morte
o medo         
a dúvida
a morte morando,
emanando do seu corpo
mentira

foi só o amor





Imagem: Alexandra Levasseur

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s